Hoje fiquei muito feliz com a notícia de que meu jogoSpaceShip 4042 feito com XNA para o concurso e-Games 2009, a primeira competição de jogos digitais do SENAC São Paulo, foi escolhido como um dos finalistas. Fiquei mais feliz ainda em descobrir que os finalistas deste concurso são apenas 5 jogos, entre eles o meu!

O SENAC São Paulo organizou sua primeira competição de jogos digitais, o e-Games, onde os concorrentes deveriam criar um jogo utilizando XNA. Além do jogo feito com XNA, foi necessário entregar um vídeo, documento de game design, apresentação, resumo e guia de instalação. O Download do jogo pode ser feito clicando aqui, ele necessita do .Net Framework 3.5 e Microsoft XNA Framework Redistributable 3.1 instalados para rodar, não é necessário instalar o jogo, apenas executar o SpaceShip4042.exe.

Este é o primeiro jogo que fiz para celulares, e também foi o primeiro projeto que terminei tudo o que eu planejava fazer. Fiz este jogo para a matéria de Jogos para Celular na pós-graduação utilizando Java Mobile (JME com CLDC 1.1/MIDP 2.0) e o Netbeans 6.7.1.

Eu pensava que animar um objeto 3D era tão complicado quando modelar, mas fiquei surpreso ao descobrir que o processo de animação no Softimage XSI é muito parecido com o do Adobe Flash. Embora sejam softwares diferentes, com finalidades distintas, a idéia básica de animar por Frames está presente em ambos.

Programar um jogo 2D não é algo muito complexo, pois trabalhar com objetos em duas dimensões não exige muitos cálculos. Claro que existem exceções, mas, na maioria dos casos, a programação em um ambiente 2D é bem simples de fazer.

Há pouco tempo comecei a pesquisar e estudar o desenvolvimento de jogos para o Nintendo DS. Poucos estúdios de games têm a licença e o kit oficial para desenvolver jogos comerciais para o Nintendo DS, mas existe uma outra maneira para desenvolver jogos não comerciais, apenas para estudo, também conhecido como homebrew.

Em outros países, existem diversos cursos para todas as áreas do desenvolvimento de jogos, inclusive universidades com cursos expecializados nisso, como a DigiPen. Aqui, temos poucos cursos voltados para o desenvolvimento de games, como a pós-graduação que estou cursando no SENAC.

Hoje assisti uma palestra na Alpha Channel sobre Web Games, que me incentivou a escrever este post, e também me lembrou de um web game em flash que fiz em 2005, seguindo um tutorial que achei no Google. Foi o primeiro jogo que fiz, quando estava aprendendo Flash no meu primeiro estágio de web designer.

Como havia comentado em outro post, vou falar sobre a matéria de Técnicas de Programação de Games que tive na pós, onde o foco era apresentar as principais técnicas de programação, muitas aplicáveis não somente a games, e fazer um primeiro contato com uma biblioteca específica para games, que neste caso foi a SDL.

Já me questionei muito isso, pensando em como poderia começar uma carreira de desenvolvedor de games, mesmo que seja indie. Encontrei algumas respostas e muitas dúvidas, que foram exclarecidas pela minha professora de Produção de Games da pós-graduação. Depois de pensar sobre todas as informações que tinha, e levando em conta a indústria de games no Brasil, encontrei três perfis distintos de programadores de games iniciantes, e também indie: