noticias,

OUYA, o projeto de console baseado em Android

Bruno Cicanci Bruno Cicanci Seguir 23 de Julho de 2012 · 1 min de leitura
OUYA, o projeto de console baseado em Android
Compartilhe

O OUYA é um projeto de console de video game, baseado na plataforma Android, que precisava de “apenas” $1 milhão de dólares para sua produção e comercialização, e eles já conseguiram mais de $5 milhões no Kickstarter.

Sua proposta é revolucionar a indústria de games oferecendo um console de baixo custo (cerca de $99 dólares), com muitos jogos gratuitos (e alguns bem baratos), sem a necessidade de mídia física. Seu hardware possui uma boa configuração para rodar o sistema operacional Android, totalmente aberto e pronto para ser explorado em todos seus limites pelos desenvolvedores (e hackers).

O modelo de negócios pretendido pelo OUYA é uma versão muito melhorado do falido console brasileiro Zeebo. Diferente do Zeebo, o hardware do OUYA é bom para rodar jogos mobile, e provavelmente muitos títulos famosos e atuais estarão disponíveis na sua loja virtual.

Uma das características que me chamou mais a atenção é o suporte que eles darão aos desenvolvedores. Qualquer console pode ser utilizado para desenvolvimento, e o devkit não precisa ser comprado, nem sequer uma licença para desenvolver. Por ser um sistema Android, o desenvolvimento é basicamente o mesmo que mobile, apenas é necessário adaptar o jogo para usar o controle do OUYA e sua lib.

Podem ser necessárias algumas adaptações de gameplay, pois todo jogo android é baseado em touch, mas essa deve ser uma das poucas camada de desenvolvimento necessárias para fazer um jogo android rodar no OUYA. Mais detalhes sobre o projeto podem ser vistos no site do Kickstarter, e o IGN fez uma mini review no vídeo abaixo para apresentar o console.

Gostou do post?
Como muitos programadores, aprecio um bom café. Se curtiu este conteúdo, que tal me presentear com um café?
Bruno Cicanci
Escrito por Bruno Cicanci Seguir
Bacharel em Ciência da Computação e pós-graduado em Produção e Programação de Jogos. Atuo profissionalmente com desenvolvimento de jogos desde 2010. Já trabalhei na Glu Mobile, Electronic Arts, 2Mundos, Aquiris, e atualmente na Ubisoft em Londres. Escrevo neste blog desde 2009.