gamedeveloper

Como ser um programador de jogos: Transformando jogo em produto

Como ser um programador de jogos: Transformando jogo em produto

Um game nasce de uma idéia ou um conceito, que então é validado com um protótipo, para depois tornar-se em algo jogável. Porém, esse “algo jogável” pode ser tecnicamente perfeito e, mesmo assim, não agradar aos jogadores. Nesse caso, a culpa não é da equipe de desenvolvimento, e sim de quem pensou na sua idéia sem tratá-la como um produto.

Para um jogo tornar-se um produto é necessário pensar em alguns detalhes antes (ou enquanto) o protótipo é desenvolvido, pois não basta o jogo ser bem feito e divertido se existe muita concorrência de jogos similares. Para transformar o jogo em um produto, deve-se montar um tipo de plano de negócio com foco em lançamento de produtos, e para isso deve-se levar em conta os seguintes itens:

  • Público-Alvo: Quem vai jogar o seu jogo? Onde você vai encontrar o seu público-alvo? Como você vai fazê-lo jogador?
  • Plataforma: Em qual plataforma você quer lançar o seu jogo? A ideia é viável na plataforma escolhida? Como funciona a publicação de um jogo nessa plataforma?
  • Mercado: As pessoas vão querer jogar o seu jogo? A plataforma escolhida é viável? O mercado está saturado para o tipo de jogo que você quer fazer?
  • Concorrência Quais empresas e quais jogos são seus concorrentes diretos e indiretos? Quais jogos são similares em algumas funcionalidades?
  • Diferenciais: Por que as pessoas vão querer jogar o eu jogo ao invés dos jogos concorrentes? Por que um investidor colocaria dinheiro em seu projeto?

Basicamente, esses são os pontos iniciais para transformar um jogo em produto. Apenas com esse tipo de análise de negócio será possível descobrir se o seu jogo terá chances de ser um sucesso ou não. É algo simples de fazer, não demora muito, e pode te deixar rico ou frustrado (para então tentar de novo!).

UPDATE

Dica do leitor Lucas Oliveira:

Modelo Canvas para plano de negócio

Site para montar um Canvas